Ousadia

Um belo jovem negro, com cerca de 20 anos de idade e cabelo ‘black power’, atravessou a passos largos o vagão de metro, antes de deixá-lo na estação Saldanha. Com o semblante um tanto nervoso, dirigiu-se a uma linda jovem portuguesa branca de cabelos crespos pintados de bordô que, desatenta, usava seu celular com habilidade. Encaixou firmemente na mão esquerda de unhas coloridas da ‘rapariga’ um pequeno pedaço de papel com seus nome e endereços online escritos e lhe disse algo indecifrável, com a voz grave e embargada pelo seu estado tenso de homem subitamente apaixonado. Partiu resoluto, deixando-a a sorrir após recuperar-se da surpresa daquele avanço repentino e, espero eu, bem sucedido do rapaz em pleno viço, que demonstrou, apesar do embaraço da voz e da cisão dos lábios enquanto andava, completo domínio de suas faculdades emocionais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s